A redução de custos é um desafio constante em diversas especialidades da área de saúde, e isso inclui os serviços de radiologia. No entanto, ao contrário do que muitos profissionais podem pensar, é possível aumentar a eficiência e cortar gastos.

Neste artigo traremos algumas medidas que você pode aplicar na sua clínica ou hospital de forma prática. A ideia é otimizar recursos sem deixar de oferecer o melhor atendimento. Afinal de contas, estamos falando de um serviço de extrema importância, no qual prezar pela qualidade é indiscutível.

Pronto para conferir as dicas? Então continue conosco.

Telerradiologia, laudos a distância, ressonância, tomografia, radiologia, gestão

Planeje a contratação e demissão de funcionários

Quando surge a necessidade de reduzir custos, muitos administradores pensam imediatamente em demitir funcionários. Porém, é preciso fazer as contas e colocar tudo na ponta do lápis. Muitas vezes sai mais caro demitir, já que você terá que arcar com a rescisão e treinamento de eventuais novos profissionais.

Ao mesmo tempo, nem sempre trazer mais gente para a folha de pagamento é a solução para desafogar a demanda. É preciso avaliar a capacidade de atendimento da sua instituição de saúde. Em muitos casos, a contratação de profissionais autônomos ou a terceirização de serviços (como a recepção ou a limpeza, por exemplo) são soluções mais práticas e menos custosas.

Adote o banco de horas

É inevitável que vez ou outra algum funcionário tenha que fazer hora extra para dar conta da demanda ou cobrir a falta de um colega. O problema é quando isso passa a acontecer com frequência, onerando a sua folha de pagamentos.

Nesse cenário, uma alternativa para reduzir gastos com horas extras é registrar o tempo excedente de trabalho em um banco de horas. Com isso o funcionário pode recuperar as horas trabalhadas a mais em folgas, emendas de feriados ou férias mais longas. Mas fique atento: sua empresa deverá fazer essa compensação no ano corrente; caso contrário será preciso pagar normalmente pelas horas extras.

Use a tecnologia a seu favor (Telerradiologia)

Cada vez mais instituições de saúde vêm recorrendo à telemedicina para melhorar a disponibilidade e a qualidade do atendimento médico, além de reduzir seus custos fixos.

Na área de diagnóstico por imagem não poderia ser diferente. Com auxílio de plataformas tecnológicas, radiologistas oferecem seus serviços de forma remota, levando conhecimento especializado para médicos e pacientes em outras cidades. Os prazos de entrega do laudo variam de empresa para empresa e podem chegar a menos de 2 horas em casos de urgência, incluindo em plantões noturnos e finais de semana.

Isso desafoga o trabalho dos profissionais do centro diagnóstico, agilizando os processos e reduzindo custos internos com pessoal. Com o atendimento fluindo melhor, a capacidade e a demanda do serviço de imagem aumentam, assim como a lucratividade.

Mas atenção: é importante analisar a qualidade da equipe de radiologistas que oferecerá o serviço e ter certeza que os prazos são cumpridos. Se não estiver confortável, vale fazer alguns testes e se assegurar que não será necessário rever sempre os laudos emitidos; caso contrário você só terá mais dor de cabeça.

Veja também: como escolher uma empresa de laudos a distância?

Otimize o sistema de agendamento

Para organizar a rotina da sua instituição de saúde é fundamental saber exatamente qual a sua capacidade de atendimento, agendando os exames da forma mais eficiente.

Por que isso é importante? Porque melhorando o atendimento você fideliza seus pacientes, diminuindo o custo de aquisição de novos pacientes (do inglês, customer acquisition costs – CAC). No final, toda a operação roda de forma mais eficiente.

Para isso, descubra qual é o tempo médio gasto com cada paciente em consultas, exames e demais procedimentos do dia a dia. Para exames de imagem, não esqueça de contabilizar o tempo de preparação dos equipamentos e de administração de contraste. Com essas informações você terá uma visão mais clara do fluxo de atendimento e poderá prever sobrecargas na agenda com mais facilidade.

Outra dica é utilizar ferramentar de confirmação e lembrete de  consulta, evitando faltas e espaços em branco na agenda – pode não parecer, mas eles custam caro para sua empresa. Na mesma linha, considera usar também os softwares que permitem ao paciente realizar o agendamento online. Isso é ótimo para você e para os próprios pacientes, que podem marcar consultas com mais praticidade e sem tomar o tempo dos profissionais de atendimento, economizando recursos.

Com as dicas deste artigo, você sem dúvida poderá aplicar uma redução de custos na sua clínica ou hospital. Vale lembrar que, cada vez mais, a tecnologia tem sido a grande aliada da organização de empresas médicas. Hoje, os administradores podem monitorar muitos aspectos que antes não eram possíveis, além da possibilidade de terceirizar parte dos serviços, facilitando o trabalho do dia a dia e o controle dos gastos.

Gostou deste post? Uma outra forma de ser mais eficiente com os recursos compreender como aumentar a produtividade nos serviços de radiologia. Confira!